AS VIÚVAS DOS PATRÕES

Não foi a primeira nem será a última vez que os RODOVIÁRIOS em plena CAMPANHA SALARIAL, promoveram algum tipo de manifestação e receberam CRÍTICAS contundentes de parte da grande IMPRENSA.
É sempre assim e sempre será, independente do que façam e de como façam, esses senhores, os TRADICIONAIS FORMADORES DE OPINIÃO DA IMPRENSA BAIANA, tão conhecidos não recebem altos salários para defender os trabalhadores e seus sindicatos e, sim os interesses dos patrões, usando como álibe a defesa da sociedade. Sim, esses senhores têm lado e NÃO É O DOS TRABALHADORES. Todo rodoviário sabe que esses senhores NÃO GOSTAM DE MOTORISTAS E DE COBRADORES e que no dia a dia, não perdem oportunidade para FALAR MAL da nossa categoria. ESTAMOS EM CAMPANHA SALARIAL.
Toda a cidade sabe disso. Este aviso está há mais de uma semana espalhado por todos os lados: são milhares de cartazes no fundo dos ônibus, outdoor nas principais avenidas, chamadas nas emissoras de rádio e de TV e até no interior de alguns veículos de comunicação de propriedade deles.
Então, o que esses fantoches esperavam após um mês de negociações sem avanço?
Na briga entre Capita X Trabalho, na propalada LIVRE NEGOCIAÇÃO entre patrões e empregados, a única arma de efeito que o trabalhador possui é a máquina de fazer dinheiro parada. A Constituição brasileira fala da necessidade de AVISOS antes da realização de GREVES. O nosso Sindicato sabe disso e quando chegar o momento da GREVE faremos como sempre fizemos: agiremos na forma da lei e colocaremos os EDITAIS nos jornais. E apesar dessa obrigatoriedade não se referir a manifestações parciais no sistema: paralisações, protestos ou assembléias da semana passada, o Sindicato encaminhou email aos veículos de comunicação local avisando que os trabalhadores iriam definir a estratégia da campanha nas ruas e garagens. De certa forma, era um alerta. Agora, o que ocorre é que cada vez que os trabalhadores produzem NOVAS FORMAS DE LUTA que driblam os patrões e os seus aliados, logo os seus asseclas se encarregam de combate-las, para limitar a atuação dos trabalhadores.
Na Campanha Salarial do ano passado o sindicato usou o expediente de fazer assembléias nas grandes estações no final da tarde. A população, descontente, alegou que este era o seu horário de retorno para o lar. O sindicato entendeu ao seu pleito.
A campanha salarial está num momento crucial e certamente teremos outras manifestações, e vamos comunicar com antecedência a imprensa. Como aliás sempre fizemos.
Mas NÃO ABRIREMOS MÃO DA LUTA por causa de pressões da mídia capitalista. Temos compromisso com a sociedade, temos compromisso com a justiça, temos compromisso com a ordem mas nosso principal compromisso é com a nossa CATEGORIA.
VIVA OS RODOVIÁRIOS.

Fonte: Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado da Bahia

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: